Ética é o conjunto de valores, ou padrões, a partir dos quais uma pessoa entende o que seja certo ou errado e toma decisões. A ética é importante por que respeita os outros e a dignidade humana.
Terça-feira, 26 de Fevereiro de 2013
COMO EVITAR TRANSGÉNICOS NAS COMPRAS EM HIPERMERCADOS?

A Lista Negra
A Plataforma Transgénicos Fora realizou nos hipermercados, no final de 2012 e início de 2013, um levantamento dos alimentos que contêm ingredientes transgénicos. Verifica-se que atualmente essa presença se limita à soja transgénica utilizada nos óleos alimentares. Abaixo pode ver a lista completa das marcas de óleo que incluem soja transgénica. Os produtos biológicos são sempre produzidos sem transgénicos. A lista será atualizada sempre que surgirem novas informações.
MARCA DO ÓLEOPRODUTOR OU DISTRIBUIDOR
ONDE ESTÁ À VENDA
Apetite
Sovena
Pingo Doce
Finóleo
SovenaIntermarché
Frigi
SovenaContinente, E. Leclerc, El Corte Inglés, Froiz, Intermarché e Jumbo
Fritóleo
SovenaEl Corte Inglés e Jumbo
Abrilsem
Aceites Abril
Froiz
Gesi
SovenaContinente
Olisoja
SovenaContinente, El Corte Inglés e Jumbo
Pôr do Sol
Riazor
Continente
Serrata
Cidacel
E. Leclerc
Top Budget
Regional Mercadorias
Intermarché
Vêgê
Sovena
Continente, E. Leclerc, El Corte Inglés, Froiz, Intermarché e Jumbo
Vitóleo
SovenaLidl


Nota: A marca SOS Pobreza comercializada em benefício da AMI inclui um óleo que contém soja geneticamente modificada. No entanto fomos alertados pela AMI a 25 de janeiro de 2013 de que este produto ia deixar de ser comercializado. É pois de esperar o óleo desapareça dos supermercados após esgotamento das existências.


 COMO EVITAR TRANSGÉNICOS NAS COMPRAS EM HIPERMERCADOS?

Analisada presença de OGM nos hipermercados portugueses
Os dez maiores hipermercados portugueses foram visitados em Lisboa e no Porto e avaliados quanto ao risco a que expõem os seus clientes no tocante aos alimentos transgénicos: os resultados demonstram grandes diferenças que podem ajudar os portugueses a decidir onde fazer as suas compras....


Plataforma Transgénicos Fora
Analisada presença de OGM nos hipermercados portugueses


Os dez maiores hipermercados portugueses foram visitados em Lisboa e no Porto e avaliados
quanto ao risco a que expõem os seus clientes no tocante aos alimentos transgénicos: os
resultados demonstram grandes diferenças que podem ajudar os portugueses a decidir onde
fazer as suas compras.

Na prática apenas um hipermercado - o Minipreço - preencheu todos os requisitos da avaliação
realizada, ficando por isso em primeiro lugar no total de garantias oferecidas a quem o visita.
Isto significa, entre outros, que, na altura e nas lojas em que foi visitado, não vendia qualquer
marca de óleo com soja transgénica, incluindo na sua marca própria. Além disso tem definida e
implementada uma política explícita de exclusão de transgénicos em toda a sua gama minipreço.
Os segundos classificados - o Jumbo e o El Corte Inglés (ex-aequo) - tiveram menos dois pontos
porque não protegem completamente os seus clientes: muito embora excluam os transgénicos
da sua linha própria estão a vender outras marcas que usam transgénicos.
O Aldi e o Froiz ocupam o 4º lugar com menos dois pontos porque, ao contrário dos referidos, não
responderam à carta registada da Plataforma a questionar sobre a sua política relativa ao uso de
transgénicos nos seus produtos de marca própria.

Em 6º lugar ficou o Lidl, que se distingue dos anteriores por permitir soja transgénica no óleo
alimentar mais barato que tem à venda.

Nos últimos lugares temos o Continente e o Pingo Doce, que ficaram empatados em 7ª posição,
seguidos pelo E. Leclerc (9º) e finalmente o Intermarché em último lugar. Nesta grande
superfície revelou-se a discrepância entre uma política anunciada de exclusão de transgénicos e
a sua presença efetiva nos produtos de marca própria. Esta empresa explicou à Plataforma

Transgénicos Fora que estava ainda a esgotar stocks existentes, reconhecendo a incoerência(embora temporária).

Vale a pena referir que quem pretender evitar adquirir inadvertidamente alimentos que
contenham produtos transgénicos pode abastecer-se com produtos certificados de agricultura
biológica, em especial nas cooperativas e lojas especializadas nesses produtos.

Note-se que a AMI, que comercializa a marca solidária SOS - Pobreza a qual inclui óleo com
soja geneticamente modificada, anunciou, na sequência de um contacto da Plataforma

Transgénicos Fora, que tinha decidido deixar de o comercializar por forma a proteger os
consumidores e o ambiente contra a exposição à soja transgénica. Uma decisão equivalente deve
agora ser tomada por todos os hipermercados que operam no território nacional de modo a
eliminar das suas prateleiras todas as marcas que incluem soja transgénica e assim optar
firmemente pela segurança alimentar de todos.

Esta decisão impõe-se ainda mais agora que foi publicado o primeiro estudo toxicológico de longo
prazo jamais realizado em ratos de laboratório (Séralini et al.(2012) Food Chem Toxicol
http://dx.doi.org/10.1016/j.fct.2012.08.005) o qual detetou uma relação direta entre
alimentação com transgénicos e o aparecimento de tumores e outras perturbações profundas do
metabolismo.


Algumas curiosidades:

– Das 229 referências de óleos registadas, 48 continham ingredientes transgénicos, o que
corresponde a 21% de todos os óleos.

– No global o óleo mais barato (marca Superal, a €1.38 por litro) não apresenta transgénicos,
deitando por terra o mito de que os transgénicos beneficiam economicamente o consumidor.

– Todos os ingredientes transgénicos estão sujeitos a rotulagem de acordo com o previsto no
Regulamento europeu 1830/2003. Esses transgénicos resultam de soja importada de países
como os Estados Unidos e a Argentina, muito embora existam fontes alternativas de soja não
transgénica.

– Das 54 marcas diferentes identificadas, cerca de um quarto utilizam transgénicos na sua
composição. Destas marcas que usam transgénicos, mais de metade pertencem à empresa
Sovena. A Sovena constitui-se assim como a maior responsável pela presença de transgénicos
na alimentação dos portugueses.


Os dados recolhidos pelos voluntários da Plataforma Transgénicos Fora podem ser consultados
em http://www.stopogm.net/webfm_send/757 e a classificação obtida por cada hipermercado
está disponível em http://www.stopogm.net/webfm_send/758 – este trabalho foi isento, não
tendo sido patrocinado nem sujeito a qualquer entendimento com qualquer entidade externa à

Plataforma Transgénicos Fora.

Para mais informações: 91 730 1025

A Plataforma Transgénicos Fora é uma estrutura integrada por onze entidades não-governamentais da
área do ambiente e agricultura (AGROBIO, Associação Portuguesa de Agricultura Biológica; CAMPO
ABERTO, Associação de Defesa do Ambiente; CNA, Confederação Nacional da Agricultura; Colher para

Semear, Rede Portuguesa de Variedades Tradicionais; FAPAS, Fundo para a Proteção dos Animais
Selvagens; GAIA, Grupo de Ação e Intervenção Ambiental; GEOTA, Grupo de Estudos de Ordenamento do
Território e Ambiente; Associação IN LOCO; LPN, Liga para a Proteção da Natureza; MPI, Movimento Pró-
Informação para a Cidadania e Ambiente e QUERCUS, Associação Nacional de Conservação da Natureza) e
apoiada por dezenas de outras. Para mais informações contactar info@stopogm.net ou www.stopogm.net


Mais de 10 mil cidadãos portugueses reiteraram já por escrito a sua oposição aos transgénicos.

http://www.stopogm.net/content/como-evitar-transg-nicos-compras-hi




publicado por Maluvfx às 07:44
link do post | comentar | favorito
 O que é? |

mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
13
14
16
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


posts recentes

Benefícios da Vitamina C

“Vermelho e Negro”

Cavalos e Pessoas II

Cavalos e pessoas I

POR QUE AS TOURADAS SÃO F...

Ponto de Vista VITAL: “A ...

O homem é superior aos an...

"A transmissão das tourad...

Touradas

Por isso é muito difícil ...

arquivos

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Setembro 2008

Agosto 2008

Junho 2008

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Setembro 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Maio 2006

Dezembro 2005

Outubro 2003

Julho 2002

tags

todas as tags

favoritos

ANTI-TOURADAS

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds