Ética é o conjunto de valores, ou padrões, a partir dos quais uma pessoa entende o que seja certo ou errado e toma decisões. A ética é importante por que respeita os outros e a dignidade humana.

Segunda-feira, 30 de Abril de 2012
De areia a insetos: descubra 18 ingredientes muito estranhos
Você comeria insetos, areia e produtos feitos com fumaça? Se a resposta for não, prepare-se para a notícia a seguir: esses ingredientes são mais comuns nos alimentos do que você imagina. Por isso, o site Health.com listou as 18 substâncias mais estranhas presentes na nossa alimentação. Confira a seguir e não deixe de ler os rótulos.

Colágeno   Os vegetarianos se prepararem para um choque! A gelatina é derivada de colágeno, uma proteína muitas vezes coletados da pele de animais. A fonte varia dependendodo tipo de alimento, diz Andrew L. Milkowsi, professor de ciências animais da Universidade de Wisconsin Madison. A gelatina em sobremesas, por exemplo, vem principalmente da pele de porcos    Foto: Getty Images
Colágeno
Os vegetarianos se prepararem para um choque! A gelatina é derivada de colágeno, uma proteína muitas vezes coletados da pele de animais. A fonte varia dependendodo tipo de alimento, diz Andrew L. Milkowsi, professor de ciências animais da Universidade de Wisconsin Madison. A gelatina em sobremesas, por exemplo, vem principalmente da pele de porcos.
Onde encontrar: gelatina, cereais, iogurte, doces, e alguns tipos de creme de leite.
Carne mecanicamente separada  Carne mecanicamente separada é o que sobra depois que a carne grudada aos ossos de frango ou porco é esmagada por meio de um tubo de alta pressão. Parece uma pasta, diz Sarah A. Klein, advogada do Programa de Segurança Alimentar do Centro de Ciência no Interesse Público. Você esmaga pedaços de ossos, cartilagem e outras coisas que viram a pasta final    Foto: Getty Images
Carne mecanicamente separada
Carne mecanicamente separada é o que sobra depois que a carne grudada aos ossos de frango ou porco é esmagada por meio de um tubo de alta pressão. "Parece uma pasta", diz Sarah A. Klein, advogada do Programa de Segurança Alimentar do Centro de Ciência no Interesse Público. "Você esmaga pedaços de ossos, cartilagem e outras coisas que viram a pasta final".
Devido ao risco de encefalopatia espongiforme bovina, popularmente conhecida como a "doença da vaca louca", essa pasta não é mais comercializada.
Onde era encontrada: principalmente em cachorro-quente.

Monóxido de carbono  O mesmo monóxido de carbono que vem do escapamento do seu veículo é usado também no setor de embalagens de carne e peixes. Isso porque, o gás ajuda a conservar os alimentos. O processo é considerado seguro para a saúde, mas se tornou pouco utilizado após os consumidores criticarem o método    Foto: Getty Images
Monóxido de carbono
O mesmo monóxido de carbono que vem do escapamento do seu veículo é usado também no setor de embalagens de carne e peixes. Isso porque, o gás ajuda a conservar os alimentos. O processo é considerado seguro para a saúde, mas se tornou pouco utilizado após os consumidores criticarem o método.
Onde encontrar: o monóxido de carbono é injetado na embalagem assim que todo ar é retirado e, dessa forma, o gás bloqueia o processo de oxidação do alimento.
Pode ser encontrado em embalagens de carne, peixe ou frango.
Goma-laca  Se você é apaixonado por jujubas, saiba que esses doces são, muitas vezes, revestidos com a goma-laca, uma substância pegajosa secretada pelo inseto Kerria lacca, nativo da Tailândia    Foto: Getty Images
Goma-laca
Se você é apaixonado por jujubas, saiba que esses doces são, muitas vezes, revestidos com a goma-laca, uma substância pegajosa secretada pelo inseto Kerria lacca, nativo da Tailândia.
Onde encontrar: jujubas e doces com revestimenos brilhantes. Na embalagem, pode ser chamado de "esmalte confeiteiro".
Água salgada  Fabricantes injetam sal em alimentos como a carne crua (principalmente o frango) para realçar o sabor e aumentar o peso do produto antes de ser vendido. O problema é que excesso de sal pode elevar sua pressão e trazer riscos à saúde    Foto: Getty Images
Água salgada
Fabricantes injetam sal em alimentos como a carne crua (principalmente o frango) para realçar o sabor e aumentar o peso do produto antes de ser vendido. O problema é que excesso de sal pode elevar sua pressão e trazer riscos à saúde.
Onde encontrar: principalmente em carnes embaladas. Sempre leia os rótulos. Se encontrar informações que indiquem excesso de sal, evite!
Celulose  Derivada da polpa de madeira e de algodão, a celulose é utilizada na fabricação de papel e, às vezes, adicionada aos alimentos, como o queijo ralado    Foto: Getty Images
Celulose
Derivada da polpa de madeira e de algodão, a celulose é utilizada na fabricação de papel e, às vezes, adicionada aos alimentos.
Bisfenol A  Bisfenol A é uma substância presente em embalagens plásticas que pode causar sérios problemas de saúde, como infertilidade e câncer no ovário. Apesar de o bisfenol já ter sido removido da maioria das embalagens, ele ainda está presente em alguns enlatados, como o de tomate    Foto: Getty Images
Bisfenol A
Bisfenol A é uma substância presente em embalagens plásticas que pode causar sérios problemas de saúde, como infertilidade e câncer no ovário. Apesar de o bisfenol já ter sido removido da maioria das embalagens, ele ainda está presente em alguns enlatados.
Onde encontrar: "Isso pode ser especialmente problemático com alimentos ácidos como o tomate. A preocupação é de que haja vazamentos nos alimentos", explica Patty Lovera, diretora do Food &Water Watch.
Castóreo  Não é apenas coicidência, o castóreo é uma substância extraída de algumas glândulas localizada perto do ânus dos castores. Como é difícil adquirí-lo, este produto é muito caro e está mais presente em perfumes que em alimentos    Foto: Getty Images
Castóreo
Não é apenas coicidência, o castóreo é uma substância extraída de algumas glândulas localizada perto do ânus dos castores. Como é difícil adquirí-lo, este produto é muito caro e está mais presente em perfumes que em alimentos.
Onde encontrar: segundo o Food and Drug Administration, órgão governamental dos Estados Unidos da América que faz o controle dos alimentos, essa substância não está presente nos rórulos dos produtos porque é "reconhecida como segura". Muitas vezes, pode ser apenas mencionada como "aroma natual" nos rótulos.
Benzoato de sódio  Já sentiu um formigamento na garganta ao beber refrigerante? Isso pode ser benzoato de sódio. Este conservante comum é geralmente reconhecido como seguro pela FDA, mas isso não significa que você não deve evitá-lo. Segundo um estudo de 2007, publicado no The Lancet, uma mistura de benzoato de sódio e corantes alimentares estava ligada ao comportamento hiperativo em crianças    Foto: Getty Images
Benzoato de sódio
Já sentiu um formigamento na garganta ao beber refrigerante? Isso pode ser benzoato de sódio. Este conservante comum é geralmente reconhecido como seguro pela FDA, mas isso não significa que você não deve evitá-lo. Segundo um estudo de 2007, publicado no The Lancet, uma mistura de benzoato de sódio e corantes alimentares estava ligada ao comportamento hiperativo em crianças.
Onde encontrar: refrigerantes, sucos de frutas e molhos de salada.
Lodo rosa  O lodo rosa é um processo pelo qual a carne é centrifugada e lavada em uma solução de hidróxido de amónio e água    Foto: Getty Images
Lodo rosa
O lodo rosa é um processo pelo qual a carne é "centrifugada" e "lavada" em uma solução de hidróxido de amónio e água.
Onde encontrar: recentemente, nos Estados Unidos, o McDonalds anunciou que mudaria a receita de seus hambúrgueres após descobrirem que a carne era feita de lodo rosa.
Bacteriófagos   Vírus fazem mal à saúde. Mas a bacteriófagos é um vírus que se reproduz em massa que infecta e mata bactérias presentes nos alimentos    Foto: Getty Images
Bacteriófagos
Vírus fazem mal à saúde. Mas a bacteriófagos é um vírus que se reproduz em massa que infecta e mata bactérias presentes nos alimentos.
Onde encontrar: pode ser encontrado em carnes. Verifique a lista de ingredientes.
Antibióticos  Nós costumamos tomar antibióticos como medicamentos. Na pecuária, alguns animais também tomam para crescerem rapidamente e serem mais lucrativos para os fornecedores. No entanto, o uso excessivo de antibióticos na produção animal pode causar resistência das bactérias    Foto: Getty Images
Antibióticos
Nós costumamos tomar antibióticos como medicamentos. Na pecuária, alguns animais também tomam para crescerem rapidamente e serem mais lucrativos para os fornecedores. No entanto, o uso excessivo de antibióticos na produção animal pode causar resistência das bactérias.
Onde encontrar: carne bovina e carne de frango.
Dióxido de silício  Dióxido de silício, popularmente conhecido como areia, também pode ser encontrado em alimentos. Isso porque, de acordo com especialistas, ele absorve a umidade dos produtos. Vale lembrar que, se engolir um pouco de areia por acidente na praia não faz mal, na mesa de jantar também não trará riscos    Foto: Getty Images
Dióxido de silício
Dióxido de silício, popularmente conhecido como areia, também pode ser encontrado em alimentos. Isso porque, de acordo com especialistas, ele absorve a umidade dos produtos. Vale lembrar que, se engolir um pouco de areia por acidente na praia não faz mal, na mesa de jantar também não trará riscos.
Onde encontrar: sais e sopas
Carmim  Quando se trata de alimento, os insetos têm outros benefícios além de dar brilho em balas. Eles são bons para dar cor também, principalmente a vermelha. Carmim é uma coloração vermelha que vem da cochonilha, um tipo de besouro    Foto: Getty Images
Carmim
Quando se trata de alimento, os insetos têm outros benefícios além de dar brilho em balas. Eles são bons para dar cor também, principalmente a vermelha. Carmim é uma coloração vermelha que vem da cochonilha, um tipo de besouro.
De acordo com a FDA, esse ingrediente pode causar reações alérgicas em algumas pessoas e, por isso, é obrigatório que seja listado em rótulos de aliementos e cosméticos.
Onde encontrar: sorvetes e alguns sucos.
Propilenoglicol  Propilenoglicol é um concentrado oleoso presente da produção de temperos concentrados, cosméticos e preservaticos. Essa substância pode causar alergia em algumas pessoas    Foto: Getty Images
Propilenoglicol
Propilenoglicol é um concentrado oleoso presente da produção de temperos concentrados, cosméticos e preservaticos. Essa substância pode causar alergia em algumas pessoas.
Onde encontrar: refrigerantes, molhos de salada e cerveja
Carragenina  Você gosta de comer algas? Se a resposta for não, saiba que elas estão em todas as partes. Extraído a partir de algas marinhas, carragenano é um gel utilizado como estabilizante natural nos alimentos. Ele ajuda os líquidos a se manterem misturados   Foto: Getty Images
Carragenina
Você gosta de comer algas? Se a resposta for não, saiba que elas estão em todas as partes. Extraído a partir de algas marinhas, carragenano é um gel utilizado como estabilizante natural nos alimentos. Ele ajuda os líquidos a se manterem misturados.
Onde encontrar: frango, queijos e sorvetes. Além disso, vale lembrar que leite com achocolatado normalmente contém carragenina.
Fumaça líquida  O sabor dos alimentos defumados vem da fumaça líquida, um composto obtido pela queima de madeira. Ou seja, é feita uma fogueira dentro de um forno e a fumaça é canalizada a sob pressão para dentro de uma vasilha com água. É isso que dá um sabor diferenciado para esses alimentos    Foto: Getty Images
Fumaça líquida
O sabor dos alimentos defumados vem da fumaça líquida, um composto obtido pela queima de madeira. Ou seja, é feita uma fogueira dentro de um forno e a fumaça é canalizada a sob pressão para dentro de uma vasilha com água. É isso que dá um sabor diferenciado para esses alimentos.
Onde você vai encontrá-lo: produtos de churrasco, feijão, bacon e salgadinhos.
Amônia  A amônia é um produto químico de cheiro forte encontrado em produtos de limpeza e usado como gás para matar germes de alimentos. Era usada em carnes, mas seu uso foi proibido    Foto: Getty Images
Amônia
A amônia é um produto químico de cheiro forte encontrado em produtos de limpeza e usado como gás para matar germes de alimentos.
Onde era encontrado: em carnes, mas seu uso foi proibído.

Fonte


publicado por Maluvfx às 12:30
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 27 de Outubro de 2011
Ingredientes de Origem Animal
Os ingredientes de origem animal estão onde menos se espera, pelo que, como consumidores veganos, temos de estar particularmente atentos ao que compramos. Ler os rótulos poderá parecer tarefa cansativa ao início, mas, ao fim de algum tempo, verás que até é rápido e fácil. Como em tudo na vida, é uma questão de prática e de hábito.


Etiqueta de ProdutoLer o Rótulo de Um Produto

Por vezes, basta olhares para a informação nutricional dos produtos. Se um produto listar uma percentagem de colesterol superior a 0%, então podes voltar a pô-lo logo na prateleira, pois é certo que tem algum ingrediente de origem animal (alguns vegetais contêm colesterol, mas em quantidades desprezáveis). Contudo, o inverso não é válido: o facto de um produto não ter colesterol, por si só, não permite concluir que esse produto é vegano.

Para confirmares se um produto é vegano, percorre a lista de ingredientes. Verás que os ingredientes de origem animal mais óbvios saltam logo à vista: soro de leite, leite em pó, gema de ovo, caldo de carne, etc. Se não encontrares nenhum destes ingredientes, procura com mais atenção os ingredientes "escondidos": gelatina, caseína, albumina, etc. Em caso de dúvida sobre um ingrediente, a opção mais sensata é não comprar esse produto.

Não te deixes confundir por termos como "natural" ou "biológico". O facto de um produto ser rotulado como natural ou biológico não significa que não tem ingredientes de origem animal.

Por vezes, os ingredientes de alguns produtos mudam (por exemplo, pão que passa a conter soro de leite), pelo que é bom ires confirmando periodicamente os ingredientes dos produtos que antes sabias serem veganos para te certificares de que continuam a não incluir nenhum ingrediente de origem animal.

Uma coisa é certa: ler atentamente os ingredientes de um produto é algo que deveria ser feito por todos os consumidores, sejam eles veganos ou não. Afinal, é de nosso interesse sabermos o que estamos a ingerir.

Ingredientes de Origem Animal Comuns em Alimentos

ácido láctico
potencialmente não vegano; apesar do nome, o mais comum é ser de origem vegetal (obtido através da fermentação de amido de milho ou açúcar de beterraba).

albumina
potencialmente não vegano; o mais comum é ser albumina de ovo. Evitar, a menos que haja indicação de que é de origem vegetal.

aroma natural
potencialmente não vegano; o “aroma natural” pode ser qualquer coisa, incluindo subprodutos de carne. Evitar, a menos que haja indicação de que é de origem vegetal.

carmim/ácido carmínico
não vegano; extraído de insectos esmagados (cochonilha) e usado como corante.

caseína
não vegano; derivado de leite animal.

gelatina
não vegano; produzido a partir de ossos e ligamentos de animais.

glicerina
potencialmente não vegano; pode ser produzida a partir de gordura animal ou ser de origem
vegetal/sintética.

lactose
não vegano; derivado de leite animal.

lecitina
potencialmente não vegano; se for vegetal, o mais comum é ser listado como “lecitina de soja”.

ómega-3
potencialmente não vegano; se não for de origem vegetal, haverá provavelmente alguma indicação de que é proveniente de óleo de peixe.

soro de leite
não vegano; derivado de leite animal.

vitamina A
potencialmente não vegano; normalmente, é de origem sintética ou de origem animal (retinol). A alternativa vegetal são os carotenos (provitamina A).

vitamina D3
não vegano; normalmente, a vitamina D3 é obtida a partir de cera de lã de ovelha (lanolina) ou de óleo de peixe. A alternativa vegetal é a vitamina D2.

Informações Adicionais
Muitas vezes, não é possível concluir se um produto é vegano ou não analisando os ingredientes, pois há ingredientes que tanto podem ser de origem animal como de origem vegetal. Nesses casos, podes tentar procurar na Internet informação sobre se esse produto específico é adequado para veganos ou contactar o fabricante, perguntando se os ingredientes em questão são de origem animal ou vegetal.

Aditivos de Origem Animal

No recurso Food-Info.net, da Universidade de Wageningen - Holanda, encontras uma lista dos aditivos (os famosos números E) que costumam ser de origem animal:

Lista de Aditivos de Origem Animal (em inglês)

Uma forma de não teres de te preocupar muito com estes aditivos é dares preferência aos alimentos naturais e evitares os produtos (muito) processados. E a tua saúde também agradece.

Fonte


publicado por Maluvfx às 06:30
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 20 de Outubro de 2011
Termos de Cozinha
 Portugal   -  Brasil


Aconchegar - Apertar
Aquecer - Esquentar
Arrefecer - Esfriar
Assar :cozinhar
Almofariz - Pilão
Boião - Pote
Biológico : Orgânico
Chávena - Xícara
Decoração - Acabamento
Esmagar - Socar
Espumadeira - Escumadeira
Estaladiço - Crocante
Estufar - Cozinhar com a panela tampada
Fervedor - Leiteira
Frasco - Vidro
Frigorófico - Geladeira
Fio de cozinha - Barbante
Fumado - Defumado
Lume - Fogo
Lume brando - Fogo brando
Tacho/Panela - Panela
Panar - Empanar
Panela tapada - Panela tampada
Passe-vite : Passapurê
Película aderente : Filme transparente
Pequeno almoço : Café da manhã
Picadora : Processador de alimentos
q.b. (quanto baste) - a gosto
Ramo - Maço
Varinha mágica - Mixer


Ingredientes

Alho Francês - Alho Poró
Açafrão das Índias - Curcuma, Açafrão da Terra
Açúcar em pó - Açúcar de Confeiteiro
Açúcar amarelo : Açúcar de cor acastanhada, não refinado
Aguardente - Pinga
Aipo - Salsão
Alperce - Damasco
Alfazema - Lavanda
Ananas : Abacaxi
Aneto (endro) : Dill
Caril - Curry
Bola : Pãozinho rústico
Bolinho : Pastel
Brócolos : Brócolis
Bulgur : Trigo para quibe
Cebolinho : Ciboulette
Chouriço vegetal: Linguiça vegetal
Colorau : Páprica
Cogumelos - Champignons
Crepe : Panqueca
Cebolo - Cebolinha verde
Coentros frescos - Cheiro-verde (Nordeste)
Cubo de caldo - Tablete de caldo
Côdea (do pão) - Crosta
Curgete (ou courgette) - Aboborinha Italiana
Espargos - Aspargos
Esparguete - Espaguete
Empadão - Escondidinho, Torta
Erva-cidreira : Melissa, capim-cidreira
Farinha de Milho - Fubá
Feijão-frade - Feijão fradinho
Feijão-verde - Feijão Vagem
Fermento padeiro : Fermento biológico fresco
Gelado - Sorvete
Gnocchi : Nhoque
Grelo : Broto, rebento
Ketchup - Catchup
Massa - Macarrão
Molho de Soja - Shoyu
Molho picante, molho de piri-piri : Molho de pimenta
Mozzarella - Mussarela
Natas de soja - Creme de leite de soja
Oregãos - Orégano
Óleo de Palma - Azeite de Dendê
Pão de véspera - Pão amanhecido
Pão pita - Pão sírio
Pão ralado - Farinha de rosca
Panar : Empanar
Pastel : Bolinho
Pimentão doce : Páprica
Piri-piri - Pimenta Malagueta
Pinhões - Pinoles
Papel Vegetal - Papel manteiga
Passa de uva - Uva passa
Pimenta preta - Pimenta do reino
Pimentos - Pimentão
Palitotos de la reine - Biscoito champagne
Queijo creme - Requeijão cremoso
Queijo flamengo - Queijo prato
Queque - Muffin
Malagueta - Pimenta dedo de moço
Rissóis - Rissoles
Rebento de Soja - Broto de feijão
Requeijão - Coalhada
Salsa - Salsinha
Salva : Sálvia
Sandes : Sanduíche
Sésamo : Gergelim
Sumo : Suco
Sultanas - Uva Passa Branca
Sumo - Suco
Tarte - Torta
Tartelete : Tortinha
Torta - Recambole
Vinho de arroz : Saquê


publicado por Maluvfx às 04:05
link do post | comentar | favorito


mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
13
14
16
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


posts recentes

De areia a insetos: descu...

Ingredientes de Origem An...

Termos de Cozinha

arquivos

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Setembro 2008

Agosto 2008

Junho 2008

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Setembro 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Maio 2006

Dezembro 2005

Outubro 2003

Julho 2002

tags

todas as tags

favoritos

ANTI-TOURADAS

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds